O ritual das Alianças de Casamento

Se você procurar em um dicionário o significado da palavra aliança, vai encontrar alguma explicação relacionada com o ato de aliar-se a algo ou a alguém, intenções de acordo ou pacto entre partes, coisas dessa natureza. Na história dos povos, uma aliança significa anunciar oficialmente convênios entre nações que buscam objetivos comuns. Nesse caso, a aliança reflete um empenho firmado entre dois ou mais estados que venha ao encontro de seus interesses.

Entretanto, muito antes da constituição dos estados modernos, as alianças que eram mencionadas nos textos bíblicos se referiam aos pactos constituídos entre Deus e os homens. No caso do livro sagrado, sempre havia um ritual envolvido, que era a forma de materializar a intenção divina em firmar um acordo com o seu povo.

A primeira aliança estabelecida com Deus aconteceu após o grande dilúvio, quando o criador anunciou que nunca mais iria castigar os homens daquela forma, ficando conhecida como a Velha Aliança. Também houve a aliança firmada com Abraão, ritualizada na quase-oferenda de seu filho que foi trocado depois por uma novilha, com a permissão do Senhor. Outros exemplos de alianças bíblicas foram aquela que marcou a saída do povo de Israel do Egito e a Nova Aliança selada por Cristo para o perdão do pecado original, materializada com o batismo.

Já deu para entender que existe aliança política, comercial, religiosa, militar e tantas outras, todas com o mesmo significado e quase sempre formalizadas em um ritual. Em um casamento não é diferente: a aliança também significa a união firmada entre duas partes. No caso, duas pessoas.

O cerimonial das argolas de metal que são usadas nos dedos nada mais é do que uma herança dos ritos antigos, como aquele das oferendas ou o do batismo, relatados nos textos sagrados. O acordo que expressa o uso da aliança matrimonial materializa o consenso firmado para a união dos noivos, no sentido específico de que há concessões a serem feitas por ambas as partes. Essa é uma condição imprescindível para que o convênio perdure.

É com esse mesmo significado que o uso do anel representa muito mais do que um simples recado para as pessoas ou para a sociedade. Significa um compromisso voluntário, consciente e responsável estabelecido entre duas pessoas que se amam e resolvem dividir e unir, por mais contraditório que pareça, as suas vidas.

Marcelo Sacrini é jornalista e colaborador do portal Pronto Casei.

Incoming search terms:

  • cerimonia das alianças
  • cerimônia das alianças no casamento
  • texto para cerimonia de casamento
  • cerimonia de alianças
  • textos para cerimonia de casamento
  • texto sobre aliança de casamento
  • ritual das alianças
  • texto para entrada das alianças
  • cerimonial das alianças
  • texto de cerimonia de casamento

Enviar um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*


*